sexta-feira, 8 de abril de 2011

Em dia de ais...

Um dos meus bloggers de referência Carlos Barbosa de Oliveira em "Cronicas do Rochedo" relembrou este grande actor/declamador.
Num comentário que lhe fiz confessei o quanto me senti mal por deixar-mos que os momentos complicados que nos absorvem os pensamentos fazerem com que nos esqueçamos de homens que não deviamos nunca esquecer.
Hoje é daqueles dias/noites ( depois de ver alguma televisão) que me apetece dizer ai. Deixo isso ao saudoso Mário Viegas.

6 comentários:

Rogério Pereira disse...

Ai, os ais deste Pais!

O Puma disse...

Boa memória

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Obrigado pelo link, caro Rodrigo, pelas suas amáveis palavras e pelo belo complemento ao meu post. É um belíssimo momento do Mário Viegas a quem também ouvi dizer os ais em Macau
Bom fds

Isa GT disse...

No post anterior comentei com ais, agora... posso continuar porque o Congresso ainda não acabou... e, ao contrário de Mário Viegas que adoro ouvir, aquilo do Congresso... está a custar muito aos meus ouvidos... aiiii ;)

Bjos

Pedro Coimbra disse...

o Mário viegas tinha uma capacidade brutal para nos comover.
E para nos pôr a rir.
Nunca mais me vou esquecer dele no "Kilas - O Mau da Fita".
E no episódio hilariante que o filme gerou.
Abraço

folha seca disse...

Rogério
ai

Puma
Foi o Carlos barbosa que me lembrou.

Carlos
Eu é que agradeço.

Isa
Para além de querer fazer um post com o Mario Viegas inspirado pelo Carlos Barbosa, os seus ais contribuiram para a escolha.

Pedro
Escrevi num comentário no CR que o Mario Viegas, tanto nos fazia rir como a chorar, lembro-me de me acontecer isso varias vezes.

Abraços

P.S Desaconselho a visita ao "folha seca" hoje