sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Sabes?

Há uma batalha a desenrolar-se no presente, em que modestamente me envolvi sem que para aí fosse por quem quer que seja  chamado, solicitado ou sequer inspirado. A minha participação é expontânia e  motivada por vontade própria e como costume, apoio quem acho que tem razão e é a melhor opção.

Adiante! hoje sexta feira feira à noite estou virado para umas musiquinhas que falam em amor e nos encontros e desencontros como todos sabemos, existem sempre.

Clique no botão da esquerda (play)

7 comentários:

heretico disse...

lá nos encontraremos, então. mais tarde ... rss
abraços

Rogério Pereira disse...

Um lugar para cada coisa, cada coisa em seu lugar. O coração de um homem é habitado por coisas muito diversas e a sua mente também...
Virar-se para estas musiquinhas, faz bem!

Isa GT disse...

Sexta e sábado são óptimos dias para musiquinhas :)

Bjos

Luís Coelho disse...

Vou lendo os teus textos que me parecem bons e actuais. Em cada um deles expressas o teu modo de ver as situações.

Não sou dos que está sempre do contra agora, antes ou ainda no futuro.

Não gosto de nenhum dos nossos políticos e como tal remeto-me ao silêncio.
Nem sei se sou eu que estou enganado pois os que os seguem são muitos.

Lá vai a procissão no adro e o Santo Amaro no andor florido mas sempre calado.

Fê-blue bird disse...

"...Uma historia que nos apeteça lembrar
Um episódio que nunca nos deu para contar
Um segredo guardado p’lo cair do pano
Um encontro marcado no cais do engano
E dizer-te na hora em que a voz fraquejar
Sabes, eu também me apetece chorar..."

Deixou-me agora muito comovida.

Beijinhos Bom fim de semana

Lua Nova disse...

Um dia talvez... e acabamos deixando passar tantas coisas que deveriam ser vividas... acho que vou chorar... ando meio down, sem saber direito por quê... essa música tocou-me.
Beijokas, querido e que tuas músicas façam bem a tua alma. Um lindo domingo.

folha seca disse...

Sebastião Antunes, mentor do grupo "quadrilha" com quem cantou e encantou. Tambem cantou e encantou a solo. Ele está aí. Espero que por muito tempo a cantar com conteudo.
Esta canção foi escolhida de propósito.
Abraços