segunda-feira, 26 de março de 2012

A culpa é dos outros (dos anteriores) Claro!

Procurei dar alguma atenção ao congresso do PSD realizado este fim-de-semana, dado que goste ou não (e não gosto) este partido é o principal responsável pela “governação” deste País. Pareceu-me, porque também não tive lá muita paciência para ver muito, que muita gente saiu de lá com a “consciência” menos pesada pois afinal a culpa de tudo é de José Sócrates e da sua equipe governativa.
À coligação PSD/CDS não se lhe podem assacar responsabilidades pelos 8 meses de governação que já levam.

Esta coligação não tem qualquer responsabilidade sobre o desastre a que estão a conduzir o País. Não a culpa é do Sócrates e nós simples cidadãos que andamos a fazer das tripas coração para nos aguentarmos e nos vamos queixando de várias formas, somos é uns ingratos e em vez de nos manifestarmos devíamos era agradecer, quem sabe até promover uma grandiosa manifestação de agradecimento por estarem a salvar o País que foi deixado em muito mau estado pelo tal aluno que estuda em terras de França.

Francamente! Será que esta gente pensa que somos uma cambada de parvos? Claro que os tais acusados têm as suas culpas no cartório. Não sou dos que digo “Volta Sócrates”. Mas não foi Sócrates e o seu partido que foram derrotados em Junho de 2011? Não foi a coligação actualmente no poder que com falsas promessas levou a que a maiorias dos cidadãos eleitores (dos que votaram) deram a maioria absoluta?
Até quando esta gente vai recorrer ao bode expiatório para justificar a sua incompetência e incapacidade para governar e restituir a confiança aos Portugueses?

Claro que sou dos que não acredita nesta coligação e nos seus “actores” Sou dos que luta por uma alternativa, embora me pareça que as forças que a deviam promover estão à espera de momentos mais oportunos, depois de isto estar tudo escaqueirado.

9 comentários:

joão quitério disse...

Pois é!... a culpa nõ é deles; nem do Socrates...
A culpa é de quem votou nêles e já se comaçam a vêr alguns a mostrar sinais de arrependimento...
Abraço

Agulheta disse...

Pois é amigo "Folha Seca" A culpa nunca gostou de morrer solteira,então como tal vão culpando e estar tudo sem remédio,a minha consciência está tranquila,como tal lamento quem votou nestes tipos.Abraço

Rosa dos Ventos disse...

Já não se aguenta esta história!
É tempo de mostrarem a quem votou neles que valeu a pena....embora eu duvide que sejam capazes!

Abraço

Rosa dos Ventos disse...

Olha fui a seguidora 100! :-))

folha seca disse...

Cara Rosa dos Ventos
Verdade o meu blogue atingiu 100 seguidores e a minha foi a 100ª. Fico honrado com esse facto, tal como me sinto honrado pelo conjunto de blogueiro(a)s que me seguem.
Abraço
Rodrigo

Rogério Pereira disse...

Não sei porque continua a insistir na fulanização da politica e se afasta da questão central... se falar de quem opera para falar do que foi operado verá mais claro. Dá mais trabalho, mas será mais justo. A questão do congresso do PSD levanta novas questões num contexto em que se multiplicam os sinais preocupantes...

Isa GT disse...

Reparou na nova modalidade, os jornalistas com menos acesso... até na rua tiveram que esperar...
Os "moços das entregas" estão a trabalhar a todo o vapor

Bjos

Graça Sampaio disse...

Boa, folha seca, amigo! Só não sei é como é que teve paciência para lhes dar atenção. Eu não aguento! Nem já quase aguento os telejornais, quanto mais aquele aparato laranja! Até feria a vista... e o ouvido também!

Abraço

folha seca disse...

Caras amigas e caros amigos.
De facto acompanhar o que de relevante se vai passando na nossa política caseira, não é um exercício fácil. No entanto sou dos que pensa que tudo tem a ver com política. A política gere a nossa vida até ao mais ínfimo pormenor. Se pensarmos bem, aquele ideia que tem ganho muitos adeptos nos ultimos anos do tipo "não quero saber de política e de políticos é em si um acto político bastante perigoso e creio que o estamos a pagar bem caro.
Abraços
Rodrigo