quarta-feira, 30 de março de 2011

Uma Voz Autorizada

O coronel Vasco Lourenço considera “incompreensível” que o 25 de Abril não seja este ano oficialmente assinalado na Assembleia da República (AR), afirmando que isso só se justifica pela “vergonha da situação a que [os deputados] levaram o país”.


“Eu acho incompreensível, não consigo perceber como é que um Estado de Direito democrático resultante do 25 de Abril tem vergonha de assinalar o dia ‘inicial e limpo’, como diria a Sophia [de Mello Breyner], desse mesmo Estado democrático”, afirmou o capitão de Abril, em declarações à Lusa.

A dissolução da AR, que se deverá concretizar no máximo até 11 de Abril, vai levar ao cancelamento da habitual sessão solene comemorativa do 25 de Abril, informou hoje a porta-voz da conferência de líderes.

Reconhecendo que “a justificação é que a Assembleia da República estará dissolvida”, o presidente da Associação 25 de Abril entende que, “se houver uma situação excepcional, a Assembleia sempre poderá reunir”.

“Não vejo por que é que [os deputados da AR] não poderiam ter encontrado forma de evocar o 25 de Abril, a não ser que tenham vergonha da situação a que levaram o país”, reiterou

12 comentários:

Pedro Coimbra disse...

Também não sei explicar.
Quem me dera.

flor de jasmim disse...

Não percebo mas sinto uma falta de respeito, é vergonhoso.
Beijinho

Anónimo disse...

Se eu tivesse poder, decretava O 25 DE ABRIL II, III, IV, ou quantos fossem necessários para afastar da nossa Sociedade, todos os políticos que não defendem os ideais de Abril.
Posso parecer um pouco radical, mas quando leio noticias destas, lembro-me daqueles que deram a sua vida, para que os seus descendentes tivessem uma vida condigna, o que infelizmente não está a acontecer.

Vento Norte disse...

Caro Folha Seca,
É o que se chama aproveitar bem o pretexto, caiu-lhes a máscara.
Assim não há fretes e até nós seremos poupados à hipocrisia. O Cavaco evita uma sessão incómoda e nem tem que pensar que não exibe o cravo que nunca usou; alguns deputados, livram-se, ao menos por um dia, de ouvir o que não desejam e de dizer o que não pensam; e outros terão a oportunidade de comemorar o dia da liberdade entre amigos.
Ainda um dia haveremos de ter verdadeiros representantes em S. Bento.

Carlos Albuquerque disse...

Do Vento Norte sopraram palavras que faço minhas.
Abraço

Anónimo disse...

O Ps e os Partidos mais à direita,conjuntamente com o Presidente da Republica,levaram este País aos caos e fizeram com que as gerações mais recentes desacreditem na democracia parlamentar.Por isso se ouvem todos os dias expressões "os deputados não fazem nada"só querem é tacho " etc.etc..
Há sinais na nossa vida democratica preocupantes.O grau de abstenção nos actos eleitorais é por mais evidente.
Como democrata estou sériamente preocupado,porque é assim que aparecem ideias totalitárias e agarradas a elas salvadores,que mais não são que coveiros da democracia e da liberdade instaurada com o 25 de Abril,que hoje já se põe em causa.
Saibamos honrrar a nossa democracia,os militares de Abril e todos quantos sofreram as agruras do fascismo.Por isso fascismo nunca mais !

Luís Coelho disse...

Ouvi a notícia e fiquei sem palavras.
Já lá vai o tempo em que alguém propôs tirar o feriado do 25 de Abril

Não encontro palavras para tanto descrédito a que estas políticas nos têm trazido em doses cada vez maiores.

Por este andar teremos a nossa democracia muito comprometida. Não adianta culpar uns e não outros.
Todos tem parte da culpa que anda por ai espalhada no rosto dos portugueses.

folha seca disse...

Caras e caros amigos
Limitei-me a publicar o link e a copiar parte do texto.
Senti uma revolta tão grande que não acrescentei nada da minha lavra no post publicado.
Senti uma vontade esquisita de gritar, chorar, vociferar hoje de manhã quando ouvi João Gobern na Antena 1 dar conta da posição de Vasco Lourenço. Logo que pude fui à procura dessas declarações.
Cabe aqueles que estão com a cabeça e o coração com o 25 de Abril protestar. Que tal uma chuva de mails para os nossos deputados a dar-lhe conta da nossa indignação. Eu vou fazê-lo, especilmente para aqueles que ajudei a eleger.
Viva o 25 de Abril

Luís Coelho disse...

Voltei cá para te deixar um abraço e votos de feliz aniversário.
Segundo ouvi por aí, parece que foi ontem, que festejou a data lá no aconchego do lar.
Desejo que cada novo ano seja algo mais e melhor que aconteça na tua vida.
Deixo-te o meu abraço que sabes ser muito amigo e disponível.

folha seca disse...

Caro Luis
Sabe bem receber essa mensagem. Foi hoje, o post anterior dava conta disso.
Muito obrigado pela tua amizade apesar de virtual.
Abraço

Mar Arável disse...

Vamos festejá-lo nas ruas

folha seca disse...

Claro Eufrázio! A rua é nossa...