domingo, 25 de setembro de 2011

"Saudade"


Após uns curtos dias de férias pelo meu Oeste, onde me desforrei a ver, ouvir e cheirar o mar, mais uns abusos na rica gastronomia da região e ainda umas valentes sestas, cá estou de volta. No regresso com um desvio por Sintra e uma visita ao cabo da Roca, ainda deu para assistir em Lisboa ao lançamento do livro “Sargos para o jantar", do nosso amigo A.Tapadinhas.

Nesta manhã de Domingo lá estou a tentar pôr a escrita em ordem, tomando contacto com algumas questões de ordem profissional e com o estado das coisas do nosso País. Sinceramente, o pouco que vi não me agradou nada. Dos problemas existentes há uma semana atrás, nenhum foi resolvido, antes pelo contrário. Os desenvolvimentos são bastante desagradáveis.
Estou naquela fase em que apetece ir de férias definitivamente, talvez para a minha imaginária ilha deserta onde não chegassem jornais, televisões e até rádios, nem contas correntes dos bancos, fornecedores e clientes.

Claro que o anterior parágrafo, não passa de um desabafo, até porque não sei nadar e podia ter um ataque de saudade da chamada civilização e também não tenho lá muito jeito para o “faça você mesmo” para construir um barquito capaz de chegar a bom porto.
Pronto cá estou. A luta continua!

10 comentários:

Rogério Pereira disse...

Desabafos à parte, a luta continua.

Receio que Cesária Évora deixe de cantar e encantar. Mas tudo pode acontecer... Ficar-nos-á sempre a imagem de quem tráz o seu povo na voz

PS: Com pena minha, não estive lá no king. Claro que se tivesse ido dar-me-ia a reconhecer para lhe(s) dar um abraço ao vivo.

Fê-blue bird disse...

Já tinha saudades do meu amigo :)
E vamos ter saudades de Cesária Évora pois decidiu terminar a sua carreira por motivos de saúde.
Espero que pelo contrário o amigo esteja de boa saúde e pronto para arregaçar as mangas :)

Beijinhos

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Já sentia a sua falta, caro Rodrigo. O regresso de férias é sempre um bocado penoso mas, como bem diz... aluta continua, não podemos baixar os braços.

alma de pássaro disse...

Querido Folha Seca,
bom regresso (de novo!) e muito bom regresso,com uma excelente música para nos acompanhar.
Pena que essa grande Senhora da música se encontre mal de saúde e corra mesmo o risco de nos deixar. Mas como todas as grandes vozes são eternas,ainda a ouviremos por muitos e longos anos.
Bom regresso ao trabalho e boa semana,beijinhos

carol disse...

É isso mesmo: quando regressamos de férias, nem apetece voltar à realidade de todos os dias. Mas tem de ser. E ainda bem!
A luta continua... e ainda bem!

Pedro Coimbra disse...

Seja bem regressado, Rodrigo.
Já percebi que as férias foram óptimas.
O dia a dia também há-de ser.
Com calma.
Um abraço

Mar Arável disse...

Seja bem-vindo

Carlota Pires Dacosta disse...

Seja bem vindo!!
Já tinha saudades suas, e da amiga Flor também.

Adorei o desabafo, o que eu me ri a imaginá-lo numa ilha deserta eheheheheheheh.

Beijokas

Janita disse...

Olá Rodrigo.
O fim de férias deixa sempre um sabor a pouco, mas depois habituamo-nos de novo à rotina.

Já viu o que seria estar nessa sua ilha deserta imaginária sem os amigos virtuais? Só se levasse consigo um computador.

Saudade já nós tinhamos de o ter por aqui.
Um abraço e bem-vindo à luta!
Janita

A.Tapadinhas disse...

Nunca se abusa de um bom peixe assado, principalmente se forem Sargos!
rsrsrs

É uma pena deixarmos de ouvir a voz quente de Cesária.

Agradeço a sua presença. Foi fascinante conhecê-lo. Fico com a sensação de não ter dedicado o tempo que devia a cada um dos meus amigos que esteve presente! Espero que me perdoem!

Grande abraço,
António