terça-feira, 14 de junho de 2011

Do Tango à Lambada (falando de danças)


Transição pacífica mas sem encontro entre Passos e Sócrates
José Sócrates deu indicações para que todos os gabinetes do seu governo preparassem dossiês completos com os temas que transitam de um executivo para outro, disse ao i o gabinete do primeiro-ministro. Em São Bento começa esta semana o corrupio de caixotes e arrumações. Sócrates deixa o seu gabinete muito em breve e não está previsto qualquer encontro entre o primeiro-ministro que cessa agora funções e o que foi eleito a 5 de Junho.
A transição entre Passos e Sócrates será assegurada pelos chefes de gabinete de ambos. Feliciano Barreiras Duarte, da parte do social-democrata, e Guilherme Dray, por parte do socialista, têm um encontro previsto para o meio desta semana. Os dois líderes não se encontram, mas também é certo que não são conhecidos quaisquer encontros de transição entre chefes do executivo no passado. E Sócrates e Passos nem sequer são duas figuras próximas. Os tempos do tango, da altura do primeiro pacote de austeridade, já lá vão e nos últimos dias o registo até prova o contrário. Na cerimónia do 10 de Junho, em Castelo Branco, os dois líderes estiveram na mesma sala sem nunca se cumprimentarem sequer. Mesmo quando, no congestionamento da saída do auditório onde Cavaco Silva tinha discursado e distribuído condecorações, estiveram separados apenas por poucos passos e meia dúzia de pessoas.

A transição que maior atenção merece nesta altura é a da pasta das Finanças, principalmente por causa do programa de ajustamento para a ajuda externa. Foi o próprio ministro Teixeira dos Santos que, na semana passada, veio garantir que vai deixar como herança ao seu sucessor o trabalho técnico em estado avançado. O ainda ministro das Finanças explicou à Lusa que vai reportar ao próximo governo "aquilo que foi feito e aquilo que falta fazer" já que, acrescentou na altura, "o próximo governo tem de estar municiado para tomar decisões políticas". Há medidas da troika que têm o final deste mês como prazo para serem lançadas.
Ionline

5 comentários:

Fê-blue bird disse...

Caro amigo:

Muda a música e o estilo mas não muda a qualidade ;)

Beijinhos

Rogério Pereira disse...

Pode ficar descansado, os candidatos sucessores já juraram que tudo irá correr conforme o assinado, e não seria um militante de base que iria levantar problemas. A dança continua, apenas houve troca de pares, face aos conhecidos azares...

Luís Coelho disse...

Bom dia
Apesar de não gostar de política segui o teu comentário à nossa situação e penso como já aqui te disseram.
A coisa muda...?
Talvez para carregar mais no Zé, que já nem tem força para lhe fazer como o ... da Caldas.

O resto são cenários para disfarce...

Anónimo disse...

Esperemos que nalguns ministérios não se acabe com o stock de papel de fotocópia. Memórias de um ex/novo ministro... não digo mais para não levar com um processo com a Ana Gomes.

Flor do Liz disse...

Boa tarde,

Só espero duas coisas:
Como o Sr Feliciano Barreiras Duarte, está próximo do Sr Primeiro Ministro, que interceda, como no passado, para que não haja portagens no único troço, não portagado da A8.
Que encontre, em conjunto, com o seu irmão, a resolução para o Estádio de Leiria, que tanta canseira lhe deu, para ser construído.
A bem do nosso Distrito que ele tanto gosta.