domingo, 12 de junho de 2011

Contar Espingardas

Uma das grandes questões que se pôs após a derrota eleitoral nas ultimas legislativas foi a de que se, seria só José Sócrates o culpado. Pelos vistos foi. Vemos na imprensa a importância que os todos poderosos presidentes das federações distiritais do PS estão a ter na escolha do lider substituto. Não li em lado nenhum que tenha decorrido qualquer oscultação às bases do Partido para se saber da sua opinião.
Claro que se são presidentes é porque foram eleitos. Interrogo-me é se isso lhe dá legitimidade para vincular os militantes do seu Distrito ao apoio deste ou daquele candidato.

Pelos vistos nesta "guerra" só contam os Generais.

7 comentários:

Fê-blue bird disse...

E que Generais :(

Beijinhos

Fada do bosque disse...

Estão todos amarrados a este sistema por isso só contam os generais!

AFRICA EM POESIA disse...

Gostei de passar por aqui.
A vida é assim
O poder deve ser ...LINDo...

Eu...fico-me pela poesia




Sempre com Esperança
Sempre a pensar...
Que o amanhã é outro dia...

Pois sem Esperança...
É difícil viver...
É difícil amar...

E eu como sonho...
Tenho sempre Esperança...
Mas por vezes...

Não passa apenas disso...
Só mesmo Esperança...
Mas vou continuar a sonhar...

Pois tenho a certeza...
Quando a Esperança acabar...
Já não valerá a pena cá estar!...

LILI LARANJO

Rogério Pereira disse...

Até Setembro o novo governo terá uma oposição firme, mas limitada. Só então aparecerá o PS com a sua liderança (requentada?)

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Caro Rodrigo:
Não sou militante do PS nem de qualquer partido, mas parece-me que o facto de os líderes das distritais assumirem apoio a um ou outro candidato não vincula os militantes, pois as eleições são directas.

folha seca disse...

Carlos
Parece-me que o apoio de um lider de uma federação e nessa qualidade manifestar o apoio a um dos candidatos já conhecidos, pressupôe que é um apoio "oficial"
Segundo a minha interpretação. Mas admito outras.
Abraço

Isa GT disse...

Ouvi dizer que as bases apoiam o António inSeguro ;)

Bjos