terça-feira, 30 de outubro de 2012

Fernando Tordo canta Eu sou daqui



Estás de passagem.
Trazes um mapa com distâncias coloridas
apenas riscos e locai. Mas nunca vidas.
Tiras retratos ao que olhas mas não vês.

Vamos os dois.
Quero mostrar-te a paisagem interior
o Norte e o Sul a estrada da raíz à flor
a Pátria – mãe o ser humano o ser amor

Eu sou daqui deste País
nasci do vento norte e sul do que Deus quis
Sou das cidades e das serras das aldeias
do pão e vinho das idéias.

Eu sou daqui sou desta gente
Sou dos silêncios que se dizem com voz quente
Sou do milagre das cantigas e da sorte
filho do vento Sul e Norte.

Estás de passagem.
Mais uma vez irás dizer que já estiveste,
mais uma vez irás dizer que conheceste,
mostras lembranças que não te deixam mentir…

Vamos os dois.
Quero mostrar-te a paisagem interior
o Norte e o Sul a estrada da raíz à flôr
a Pátria – mãe o ser humano o ser amor

Eu sou daqui. Desta paixão
o norte e o sul são a mãe terra e o pai irmão
Sou das montanhas e das praias eu sou mais
eu sou dos pontos cardeais.

Eu sou daqui para lá da morte
eternamente serei Sul e serei Norte
sou das vindimas dos pregões das romarias
eu sou daqui todos os dias.

Eu sou daqui. Deste País.

8 comentários:

Rosa dos Ventos disse...

Por aqui há sempre boas escolhas musicais!

Abraço

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Meu amigo

Um belo poema e uma linda música, não conhecia e adorei.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

JP disse...

Boa a escolha....mas também cantou "A Tourada" que se apropriava bem ao momento que atravessamos.


Abraço
(Tem miminho na Pena)

Pedro Coimbra disse...

A vida tem momentos curiosos, Rodrigo.
Quando vinha para Macau (30 de Setembro de 1995), na viagem entre Lisboa e Londres, o meu companheiro foi o Tordo.
Muitos anos depois, encontrámo-nos de novo nos blogues e no Facebook.
Lembrava-me eu e ele.
E temos continuado essa amizade, ainda que distante e virtual.
Aquele abraço

heretico disse...

Pátria nossa, tão maltratada...

abraço

Luciano Craveiro disse...

Ainda não esqueci a promessa de uma interpretação minha (para breve) de um tema do Tordo! :)
Aquele abraço

Observador disse...

Este é, talvez, um dos melhores temas de Fernando Tordo.

Um abraço, caro Rodrigo.

Fê-blue bird disse...

Fernando Tordo, um dos meus temas preferidos-

beijinhos