quarta-feira, 24 de junho de 2009

Emilio Ferreira Rato

Pela calada da noite a noticia chegou: Morreu o Emilio Rato!

Há um habito terrivel na nossa sociedade em tornar toda a gente excelente quando deixam o mundo dos vivos. Ainda recentemente vimos fazer uma(mais que merecida) homenagem a Salgueiro Maia, por iniciativa de quem em vida lhe recusou uma (mais que merecida) pensão.

Sobre o Emilio Rato a emoção retira-me a capacidade de escrever sobre aquele que foi seguramente um dos melhores autarcas da nossa terra e um dos melhores seres humanos com quem tive o previlégio de privar. Já que não fomos capazes de fazer nada ainda em vida que se perpetue pelo menos a sua memória prestando a homenagem merecida.

Gostava de te dizer, se fosse possível ouvires-me, que para quem acompanhou o poder local, que ficarás na nossa memória como um dos melhores obreiros do poder local democrático.

Junto um pequeno extracto de um comentário que publiquei recentemente no "Largo das Calhandreiras"

"Quando me refiro a um dos melhores, quero dizer que houve outros que também merecem ser recordados, felizmente um pelo menos ainda vivo, deixando eu a pergunta para quando o reconhecimento ao Emílio Rato pelos seus anos de trabalho como vereador e Presidente da nossa Câmara?4/30/2009 6:24
Publicada por folha seca em 21:50 0 comentários "

Sem comentários: