segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Carlos Paredes-O Discurso



Ao longo da vida tive que fazer alguns discursos. Uns mais complicados outro menos. Mas havia sempre algo de concreto a dizer. Amanhã terei que fazer um daqueles que será certamente o mais difícil até agora. Terei que falar sobre o futuro. Não o futuro abstracto mas no concreto que inclui já o presente. Lembrei-me desta composição enquanto pensava naquilo que não tenho para dizer.

2 comentários:

Rogério Pereira disse...

Quer uma dica
Sobre o que dizer?
Pegue na caneta
Comece a escrever
Eu soletro
Não vá esquecer:
Sem... sonhadores...
Não... há... sonho.
Está escrito?
No fim... diga
Tenho dito
(ao som do Carlos Paredes)

Pedro Coimbra disse...

Que o Carlos Paredes o inspire, Rodrigo.
Até porque acho que sei a que discurso se refere.
Já por lá passei.
E é terrível!
Força, meu Amigo!
Aquele abraço